Conscientização ambiental em foco no Interlegis

por Anderson Sossela publicado 05/04/2018 16h02, última modificação 05/04/2018 16h02
Medidas visando o consumo consciente e sustentável já então em práticas no Poder Legislativo da Lapa desde o inicio de 2017

O ILB, órgão do Senado Federal que executa o Programa Interlegis, lança agora em abril seu mais novo serviço para as casas legislativas: a Oficina Interlegis Câmara Verde. A estreia será na segunda semana do mês na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. O objetivo da Oficina, que tem a duração de dois dias, é sensibilizar as casas para a importância da responsabilidade socioambiental na realização de atividades tais como compras, contratações e consumo.
A parte prática do treinamento permitirá que o grupo elabore um modelo de Plano de Logística Sustentável – PLS, documento que ajuda os gestores públicos a adequarem os atos administrativos a demandas socioambientais, ­ pautados, no entanto, na legislação vigente.
O PLS traz um conjunto de ferramentas de planejamento para que os órgãos públicos promovam práticas de sustentabilidade e racionalização de gastos e processos na Administração Pública. Ele compreende a realização de algumas importantes ações de controle como atualização do inventário de bens e materiais do órgão; responsabilidades, metodologia de implementação e avaliação do plano; e ações de divulgação, conscientização e capacitação. Consiste também em mapear e estabelecer indicadores de gestão para eixos temáticos como água, energia, papel, combustível, áreas verdes e  insumos de escritório.
Na Câmara da Lapa desde o ano de 2017, diversas ações estão implementadas no intuito de estimular o consumo consciente. O Presidente do Poder Legislativo, Arthur Vidal, ressalta que as atitudes conscientes estão ao alcance de todos. Simples atitudes como não jogar lixo nas ruas, evitar o desperdício, o consumo consciente, a educação de nossas crianças quanto à responsabilidade de cuidar de nosso lar e o respeito por toda e qualquer forma de vida, já são importantes passos rumo à criação de cidadãos conscientes e melhores para si e para todos os seus semelhantes”, enfatizou o vereador.
Em breve será finalizado outro importante projeto, que é a redução de aproximadamente 90% do uso do papel nos setores da Câmara. Essa medida será integrada também a um sistema fornecido pelo Interlegis, chamado SAPL – Sistema de Apoio ao Processo Legislativo e que prevê toda tramitação de projetos, requerimentos, indicações, ofícios através desta ferramenta digital. A previsão é de que no inicio do próximo semestre esta ferramenta esteja em completo funcionamento.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.