Iapar lança aplicativo de agrometeorologia

por Anderson Sossela publicado 05/02/2019 13h49, última modificação 05/02/2019 13h49
O aplicativo foi desenvolvido em parceria com o Simepar e está disponível para aparelhos Android

O Instituto Agronômico do Paraná lança nesta terça-feira (5), no Show Rural, em Cascavel, o IAPAR Clima, um aplicativo para celulares que aponta em tempo real as condições agrometeorológicas das regiões produtoras do Paraná.
O IAPAR Clima faz a compilação de dados obtidos em 22 estações meteorológicas do próprio Iapar e outras 38 do Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar). Previsão do tempo, chuva acumulada, situação da água no solo, temperatura e mapas climáticos são algumas funcionalidades da aplicação.
“Técnicos e produtores têm no bolso uma ferramenta para decidir sobre o melhor momento de realizar operações agrícolas como semeadura, aplicação de agrotóxicos e colheita, além de acompanhar as condições hídricas do solo”, informa o engenheiro agrícola Pablo Ricardo Nitsche, pesquisador do Iapar.
O aplicativo foi desenvolvido em parceria com o Simepar e está disponível para aparelhos Android. Pode ser baixado gratuitamente no Google Play. A versão para sistema operacional IOS ficará pronta nos próximos meses. Também está prevista a adição de novas funcionalidades, como aviso de geadas para a cafeicultura e horas de frio e alerta fitossanitário para pomares de maçã.

ATLAS CLIMÁTICO
Na mesma solenidade será lançada a atualização do Atlas Climático do Estado do Paraná. Em 188 mapas, a obra apresenta as normais de precipitação, temperatura e umidade relativa do ar, evapotranspiração potencial, radiação solar global e insolação obtidas em estações meteorológicas do Iapar e do Simepar.
Os meteorologistas denominam “normais” os dados médios coletados por um período mínimo de 30 anos. Algumas estações meteorológicas do Iapar estão em operação há bem mais que três décadas, como, por exemplo, a unidade de Irati, onde as informações são coletadas desde 1963.
“A variabilidade climática é determinante para o sucesso ou fracasso da produção agropecuária, formação de preços no mercado e, consequentemente, das decisões em todos os elos das cadeias produtivas”, afirma o pesquisador Pablo Ricardo Nitsche, que é autor da obra juntamente com os especialistas Paulo Henrique Caramori e Wilian da Silva Ricce.
O Atlas Climático do Estado do Paraná está disponível apenas em formato digital, e pode ser obtido no endereço www.iapar.br.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.